12/11/2010

RESENHA: A Morte do Cozinheiro - Allan Pitz

O livro A Morte do Cozinheiro, de Allan Pitz, conta a história de Luiz Aurélio, um jovem jornalista apaixonado pela bela Carmem, que devido aos contratempos da vida como sogra e outros, termina com a sua amada. Carmem havia até engravidado na época de namoro, mas perdeu o bebê.  Luiz Aurélio começa uma paranóia (se é assim que eu posso dizer, pois no seu mundo muitas coisas, devido a sua narrativa firme e ao mesmo tempo violenta, parecem ser verdadeiras e até mesmo repugnantes).

Luiz Aurélio enlouquece quando descobre que Carmem está namorando o cozinheiro Lucas e começa a imaginar(ou vivenciar) fatos absurdos. Ele firma em sua mente, que Lucas não presta e só quer iludir, maltratar e usar a Carmem. E , assim, ele começa a tramar um plano para matar o cozinheiro.

O livro é ótimo, todo narrado em 1ª pessoa e com muito ímpeto inclusive. Há momentos que você sente pena do Luiz Aurélio pela sua decadência e, em outros, raiva pelos seus sentimentos tão egoístas.Tem algumas partes em que o narrador cita o escritor Edgar Allan Poe e achei isso muito bacana e divertido.

Gostaria de agradecer ao Allan Pitz por me presentear com um exemplar autografado para resenha aqui no blog e recomendar a leitura desse livro tão intrigante, engraçado e misterioso a todos.

2 comentários:

  1. Oi Nessa!
    Tbm li o livro e gostei muito.
    Realmente uma boa indicação.
    Bjos!!!

    ResponderExcluir
  2. O livro é muito bom mesmo Déia!
    Beijos!

    ResponderExcluir