21/01/2011

ENTREVISTA: Roberto Laaf, autor de Horizontes Revelações

Boa tarde pessoal! O escritor Roberto Laaf, autor de Horizontes Revelações, concedeu uma entrevista exclusiva para o blog Nessa News. Confiram!


SOBRE O AUTOR:

Roberto Laaf é graduado em licenciatura em Ciências. É um carioca apaixonado por literatura.


Autor das obras: Virgo - A Era dos Homens e o Emocionante Épico Histórico Demetrius - Um coração Grego.


ENTREVISTA:


Qual foi a sua inspiração para escrever Horizontes Revelações?
Não houve apenas um elemento inspirador para o projeto Horizontes, mas posso dizer seguramente que minha maior inspiração para escrever Horizontes foi o desejo de passar aos leitores algumas dicas sobre os perigos existentes em uma grande cidade. Em todos os meus livros, foco bastante nas questões humanas, nos sentimentos que desenvolvemos diante das situações mais estranhas e improváveis às mais corriqueiras, e com Horizontes eu queria aproveitar essa característica para expor a violência urbana de uma forma que não mexesse apenas com a imaginação das pessoas, mas que também lhes desse conhecimento de situações que pudessem evitar no futuro.
 
Quais são os seus autores favoritos?
Devo dividir meus autores favoritos em duas categorias, os antigos e os recentes. Sempre tive como autores favoritos Antoine de Saint-Exupèry, J.R.R.Tolkien e Jane Austen, mas recentemente tive a oportunidade de me encantar com alguns autores contemporâneos que também conquistaram minha admiração como Conn Iggulden, Stephenie Meyer, Miguel Sousa Tavares e Carlos Ruiz Záfon.

Quais são os seus livros prediletos?
Ah, eu tenho um bom número de livros prediletos, mas destaco: Terra dos Homens (Exupèry); O Silmarillion (Tolkien); A sombra do vento (Zafón); Equador (Miguel Sousa Tavares); Lua Nova (Stephenie Meyer) e Razão e Sensibilidade (Jane Austen), entre muitos outros.

Você já tem a data de lançamento dos livros que compões a trilogia Horizontes?
Ainda não tenho datas definidas, mas estou negociando para que os próximos livros sejam lançados em maio (Horizontes – Vocação) e setembro (Horizontes – Processo Seletivo) deste ano.

Teve alguma banda ou música que te inspirou durante a confecção do livro?
Essa questão da música é interessante. Eu sempre imaginei Horizontes com músicas fortes, modernas, e uma das bandas que me chamou mais atenção quando escrevi a trilogia foi a banda britânica Sixteen Senses, e sua música Into the fire acabou sendo escolhida para o booktrailer 1. Depois, tive a ideia de perguntar para uma amiga de São Paulo, que é cantora e compositora, se ela não teria interesse em ceder uma de suas músicas para que eu montasse um novo booktrailer, e então ela superou minha expectativa compondo uma música nova, chamada Minhas Premonições, especialmente como tema do livro. Fiquei maravilhado! Fizemos uma parceria para que a música fosse gravada em estúdio antes de usá-la no booktrailer 2. Agora não vejo outra música combinando com Horizontes e quem tem me inspirado ao escrever os contos da séria é a música da Vivian Ruano.

Quais são seus projetos futuros?
Tenho muitos projetos em mente para o futuro, tanto para o futuro próximo quanto para o mais distante, mas em termos de projetos literários, e mais imediatos, estou empenhado em concluir dois livros que venho trabalhando desde o ano passado: Confissões de um sedutor apaixonado e Um vampiro só meu; quero concluir também a revisão da saga Virgo antes do lançamento da segunda edição de Virgo – A era dos homens e, por último, fechar neste ano os contos da série Horizontes. Como projeto pronto, que apenas aguarda a oportunidade de fechar parceria com as pessoas certas, tem o meu livro Demetrius – Um coração grego, ainda inédito, que recebeu menção honrosa no mesmo concurso em que o Eduardo Spohr saiu vencedor com o seu best seller nacional A batalha do apocalipse, isso, lá em 2007. Demetrius – Um coração grego é um épico de mais de 500 páginas que requer investimento que esteja à sua altura, e, por ora, sozinho não tenho como dar a esta obra a atenção que merece. Já recusei algumas propostas, mas uma hora aparece a parceria ideal, não tenho pressa para nada. 
 
Deixe um recado para os seguidores do blog Nessa News.
Bom, antes de mais nada quero agradecer à Vanessa pela oportunidade de ter Horizontes – Revelações aqui no Nessa News, e agradecer também pelo convite para uma entrevista aqui com vocês.
Aos seguidores do blogue o meu recado é para que continuem lendo bastante, mantenham a mente aberta para a grande diversidade de estilos narrativos que temos hoje no meio literário e sempre incentivem as crianças à leitura; jamais tenham preconceito para a leitura, não importa a origem de um livro, o importante é que seja um bom livro; nunca julguem um livro pela capa, e também não permitam que outros julguem os livros que de alguma forma lhe chamaram; atendam o chamado, pois a experiência da leitura entre o leitor e seu livro, com suas percepções e assimilações, é indiscutivelmente única.
Um grande abraço a todos os leitores do Nessa News,
Roberto Laaf


5 comentários: