08/04/2011

RESENHA: O Arquiteto do Esquecimento - Marcos Bulzara

O livro O Arquiteto do Esquecimento, de Marcos Bulzara, conta a história de Doran Visich, desde a sua infância até os momentos atuais de sua vida. Doran é um polonês que vivia em um vilarejo com os seus pais e seus irmãos. Ele nutre um carinho especial e profundo amor por sua irmã caçula, Constantine, e os dois se tornam companheiros inseparáveis.


Tudo era pacífico e calmo atá a chegada dos alemães, que tomaram a terra dos poloneses, assassinaram as suas famílias e escravizaram os sobreviventes, levando-os para o campo de concentração. No campo de concentração, eles trabalham forçados pelos nazistas e são usados como cobaias para novas drogas e experimentos. Entre essas vítimas, se encontra Doran, que vive o seu dia-a-dia esperando nada mais do que a morte.



Após um determinado tempo, o império de Hitler desmorona e a queda do nazismo acontece. Doran é transferido para um outro campo nazista, porém, no meio do caminho acontece um acidente com o trem que o transportava e ele consegue fugir. Ele parte para Siena em busca da jovem Isabel, que ele sabe correr grande perigo. Doran trabalhou para o pai de Isabel, o professor Millen, e ambos criaram a droga do esquecimento, o D-45. Essa droga despertou o interesse de grandes potências mundiais, que são capazes de guerrear em busca dela. O professor Millen faleceu, vítima de uma parada cardíaca, que muitos acreditam que não tenha ocorrido de causa natural. e Isabel corre grande perigo, pois acreditam que ela é a detentora dos segredos sobre o D-45. A única pessoa que pode ajudá-la e protegê-la é Doran. Muitas aventuras e desfechos acontecem a partir daí.


O livro do Marcos Bulzara é ótimo e com certeza, entrou na lista dos meus favoritos. O sofrimento pelo qual Doran passa nos comove de uma forma surpreendente, principalmente nos momentos em que ele adquire uma profunda cicatriz no queixo e tem um dedo de sua mão mutilado pelos nazistas. Me emocionei muito e confesso que a história me levou as lágrimas. Quando tudo parece estar dando certo na vida de Doran e saindo como o planejado, acontece um novo desfecho que o magoa ainda mais e o afasta de verdade ainda mais. Gostei muito, mas muito mesmo do livro, e recomendo a todos.

4 comentários:

  1. Olá!

    Esse livro parece ser bem interessante, afinal de contas o que não falta é história ocorrida na Segunda Guerra Mundial que emocione aos leitores *-*

    Acho que o único que li com e ssa temática foi O Pianista, de Wladyslaw Szpilman, que tem até um filme com o mesmo título.. Ambos muito bons!

    XOXO

    Samantha Monteiro
    Blog Escritos Meus

    ResponderExcluir
  2. Oi Nessa, gostei da sua resenha e já fiquei curiosa para ler esse livro que parece ser muito bom !!!!

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pela resenha Nessa1
    Sou louca pra ler esse livro.
    Bjos!!!
    Andréia
    Sentimento nos Livros

    ResponderExcluir
  4. Nossa, é a primeira resenha que leio, e a história é mais diferente do que eu tinha imaginado, pareve muito interessante!

    Ótima resenha, beijos!

    ResponderExcluir