01/05/2011

RESENHA: A Canção do Súcubo - Richelle Mead

O livro A Canção do Súcubo, de Richelle Mead, nos fala sobre Georgina Kincaid, uma súcubo, ou seja, um demônio feminino que adentra os sonhos masculinos, tendo relações sexuais com esses homens, e por consequência, sugando a energia vital deles.  Georgina é uma ruiva linda, extremamente atraente e deixa os homens babando por si aonde quer que esteja. Ela trabalha em uma livraria de Seattle mantendo sua identidade sob segredo e é viciada por mochas de chocolate branco.


A rotina aparentemente calma de Georgina muda de figura quando surge um monstro em Seattle que está exterminando as criaturas sobrenaturais deste local de forma bem cruel. A partir desse momento, vários seres do mundo sobrenatural adentram a trama como anjos, demônios, duendes e vampiros.  Homens chovem aos montes na vida de Georgina, como o seu patrão, Doug, e um professor muito sexy chamado Roman, mas quem conquista o coração da beldade é o autor Seth Mortensen, escritor preferido dela. Ele também se sente muito atraído por Georgina, mas ela se afasta, com medo de tocá-lo e ele sofrer as consequências por ela ser uma succubus. 



A Canção do Súcubo é um livro de leitura leve e totalmente agradável, ressaltando a capacidade e talento de Richelle Mead. Um fato que eu gostei muito na trama, e até posso destacar como um momento crucial, foi o encontro de Georgina com Lilith, conhecida como a rainha dos súcubos. Muito em breve, pretendo ler a continuação da história, O Poder do Súcubo e deixo a dica desse ótimo livro para vocês.



10 comentários:

  1. Quando comecei a ler a resenha, ñ estava gostando
    Mas ao chegar no final, fiquei bastante curiosa sobre o livro...
    Beijos

    ResponderExcluir
  2. Quero muito ler esse livro, mas primeiro VA. hehe.
    Beijos,K.
    Girl Spoiled

    ResponderExcluir
  3. Parabén pela resenha! Fiquei super interessada em ler , parece ser bem interessante!

    beijos *-*

    ResponderExcluir
  4. COMECEI A LER ESSE LIVRO E PAREI AMIGA, MAS PARECE SER UM BOM LIVRO E PRETENDO VOLTAR.
    BEIJOS

    ResponderExcluir
  5. Oi Nessa! Histórias com demônios já me interessa bastante, não que eu goste dessas coisas, mas histórias sobrenaturais em geral já me atraem por sí só... E quando você falou que depois aparecem anjos, vampiros, etc, gostei ainda mais (:
    Quero ler esse livro! A moça da capa está assustadora, muito bem feita esta capa... rs

    Estou seguindo aqui!
    Te espero lá no meu blog:
    http://leitoracompulsiva1.blogspot.com/
    Se seguir agradeço!

    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Oi Nessa, eu sou louca pra ler esse livro. Tá na lista há séculos...Adorei a resenha.
    Bjos!!!
    Andréia
    Sentimento nos Livros

    ResponderExcluir
  7. Nossa, que sobrenatural. Nunca li um livro com um demônio feminino, parece ser bem interessante. Ótima dica e vou ver se leio em breve =D...

    HUGS =D!!!

    ResponderExcluir
  8. Gostei muito desse livro, me surpreendi com a história!
    Você já leu Vampire Academy, outra série da autora? Notou os elementos parecidos? Sabe quando lia e a autora colocava os amigos da G. a chamando pelo sobrenome me lembrava muito de V.A, apesar da história ser bem diferente, mas gostei disso, sei lá pareceu como uma marca registrada da autora, kaoakoakoakaok, olha ei viajando...

    Beijokas

    Parabéns pela resenha!

    Livros & Fuxicos

    ResponderExcluir
  9. Oi, Nessa!
    Estou louca pra ler este livro pq gosto muito dos livros Academia de Vampiros que tb é da Richelle Mead.

    ResponderExcluir
  10. Já li a série da Georgina inteira e vale muito a pena. Tinha lido Richelle a série Vampire Academy (Academia de Vampiros) que eu adoro. Georgina também entrou na minha lista de favoritos. Só não lembro da Georgina ser ruiva, pra mim ela é morena. Saudades de alguns personagens, principalmente do Carter *-*. Parabéns pela resenha. :D

    ResponderExcluir