17/07/2012

Resenha: Cabeça de Vento - Meg Cabot

O livro Cabeça de Vento, de Meg Cabot, nos conta a história de Emerson Watts, conhecida popularmente como Em. Em odeia o seu nome, o qual considera masculino demais e não é uma garota nada popular. Ela abomina garotas que colocam a beleza acima da inteligência, e devido a esse comportamento, quase não tem amigos no colégio, com exceção de Christopher. Christopher é o seu melhor (e único) amigo, pelo qual ela também é perdidamente apaixonada, apesar dele nem desconfiar dos seus sentimentos.


Em vai até o shopping para acompanhar a sua irmã Frida, que por sinal é totalmente o oposto dela, ao show do cantor Gabriel Luna. Durante a apresentação, um acidente ocorre e ela é atingida por um telão. Quando desperta, percebe que sua vida deu uma volta de 360º, afinal, ela está no corpo da famosa modelo Nikki Howard, figurinha carimbada nas mídias e capas de revistas.

É aí que vários problemas ocorrem, pois Em nunca se considerou bonita e também nunca sofreu assédio dos garotos, e tem que se acostumar com uma vida de glamour e fama incessante. Ela também precisa se expor seminua para fotografias, e em posições nem um pouco confortáveis, além de adotar uma alimentação totalmente diferente da sua habitual, e controlar o hábito de roer as unhas, afinal, agora ela é uma celebridade. Nikki sempre foi rodeada de belos garotos e esse legado foi passado automaticamente a Em, que não sabe como se portar rodeada por tanto assédio.


Confesso que estava receosa em ler Cabeça de Vento, pois pelo enredo, percebi ter um pouco de ficção científica, que não é um dos meus gêneros favoritos, mas acabei sendo surpreendida, mais uma vez, pela escrita de Meg Cabot. O livro nos traz uma história divertida, inusitada e muito bem elaborada, tornando a leitura muito prazerosa. 


Acompanhar toda essa mudança na vida de Em foi bastante divertido. Uma garota nerd, nenhum pouco adepta a tratamentos de beleza e roupas de grife, se encontrar no corpo de uma top model super requisitada, é realmente uma loucura. Ela tem que cortar um dobrado para assumir a agenda de compromissos de Nikki, além de tentar contornar alguns casos amorosos da modelo, sem causar alarde. Ela conta com a ajuda de Lulu, melhor amiga de Nikki, que se mostra uma pessoa doce, compreensiva e bem afetuosa, para driblar esses percalços. Além de tudo, precisa reprimir os seus sentimentos por Christopher, que se mostra uma das tarefas mais árduas na sua vida.


Cabeça de Vento é um chick-lit leve e engraçado, e mesmo com ficção científica, consegue preservar todo o humor e destreza da escrita de Meg Cabot. Uma leitura prazerosa e dinâmica, que nos diverte página após página, e que me fez se tornar ainda mais fã da autora. Vale a pena conferir!


22 comentários:

  1. Oi Nessa!
    Bem diferente esta proposta da Meg,a autora é bem versátil em suas histórias,mas sei lá,ainda fiquei com um pé atrás com Cabeça de Vento.
    O aniver do blog chegou,passa lá.
    Bjos Fabi
    http://roubando-livros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Passou um filme pela minha cabeça lendo sua resenha, e no final só ficou o desejo e a maior vontade de ler esse livro. Gosto dos livros de Meg Cabot porque sempre indicam ser parecidos mas ela consegue com sua escrita trazer uma história diferente e que surpreende. Gostei muito da resenha e com certeza o livro já entrou na minha estante de "vou ler" do skoob.

    Beijos, Izabela :)

    Caderno de Resenhas

    ResponderExcluir
  3. Parece ser um livro bem legal.
    Fiquei com vontade de ler.
    Beijos

    http://cocacolaecupcake.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  4. Não sou muito fã das obras de Meg Cabot, mas esse é um dos livros da autora que eu tenho vontade de ler. É bem ficção, mas parece ser muito bom :DD

    ResponderExcluir
  5. Oie, van =)
    amiga, esse livro está no meu skoob para ler, mas tipo coloquei mais por colocar, estava em dúvida se iria ler, mas gostei da tua resenha ainda mais por falar que é um chick-lit leve e engraçado,então quero ler, vai subir na minha lista de leitura! Bjs

    ResponderExcluir
  6. Eu preciso ler alguma coisa da Meg. Li pouquíssimos livros dela, mas mesmo assim tem muito tempo. Pelos livro que li, eu amei a maneira dela escrever, como ela consegue fazer uma estória divertida, romântica e leve.
    Adorei sua resenha.
    Beijos!
    http://lereaminhapraia.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. AMO essa série. Amo os livros da Meg.
    Mal posso esperar para lançarem aqui no Brasil o terceiro livros desta série.

    Beijocas,
    Thais - http://thaypriscilla.blogspot.com

    ResponderExcluir
  8. Eu não gosto muito de chicklit e mesmo sendo Meg tenho meus pés atrás, mas todo mundo fala tão bem dos livros dela desse gênero e depois dessa resenha, estou inclinada a começar a ler.

    ResponderExcluir
  9. Olá Nessa , otima resenha vc está deixando cada vez maior minha coleção de livro , graças as suas resenhas tenho obtive belas leituras .

    Abraços

    ResponderExcluir
  10. Eis uma série que estou ansiosa pra comprar. Amo os livros da Meg, são muito bons! E esse é um dos que tenho muita vontade de ler.
    Gostei da resenha!

    Bjos,
    Verbologia Pink

    ResponderExcluir
  11. Boa noite Nessa,

    Não conheço os livro d autora, mas pela a sua resenha são ótimos, posso dar uma chance a eles...abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Quero mto ler esse livro, amo a Meg, ele parece ser bem legal, sem falar q eu amo chick-lit, gostei da sua resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  13. Não sou muito fã!
    Mais esse parece legal!
    :D

    Bacio, Selene Blanchard
    Modaeeu.blogspot.com
    Espero sua visita

    ResponderExcluir
  14. Oiii, o livro é realmente demais, a leitura flui rapidamente, muito engraçado. A Meg, como sempre, sabe como prender alguém nas suas páginas!
    Abraços,
    http://umceudeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Meg Cabot é diva! Amo os livros dela! Ainda não li desta série! Mas tenho vontade de ler todas as séries da Meg!!! Seja como Mega Cabot ou como Patrícia Cabot! Amo!!! Excelente resenha!!!

    ResponderExcluir
  16. Tem tempo que não leio nada da Meg. Estou precisando ler um livro dela LOGO. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  17. Esse livro e a continuação Sendo Nikki são muito engraçados. Absurdos, mas engraçados rsrsrs

    Eu adoro Meg Cabot, então sou suspeita pra falar. Apesar de ter gostado dos 2 livros, não são os meus favoritos justamente por conta dessa história maluca de troca de corpos rsrsrs

    Bjokas

    Flavia - Livros e Chocolate

    ResponderExcluir
  18. Lembrei de um filme, cujo nome não recordo, onde o personagem masculino é feito pelo Justin Timberlake. Sabe? Que duas meninas idênticas trocam de lugar, uma é uma nerd excluída, outra uma super modelo. Achei a história BEM parecida, exceto pela parte da ficção científica, que também não gosto. Em todo caso, os livros da Meg costumam ser sempre muito bons.

    ResponderExcluir
  19. Oii
    Tenho um pouco de receio com esse livro, não sei por que. Mas sua resenha me fez lembrar das qualidades da escrita da Meg e consequentemente fiquei curiosa para ler!

    Beijos,
    Gaby
    http://pitadadecultura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  20. Oi Nessa!

    Tenho esse livro há um tempão guardado.
    A sua resenha me empolgou a tirá-lo da estante!! :)

    Os livros da Cabot sempre são fofos né?

    Beijooo!

    ResponderExcluir
  21. A Diva Meg sempre surpreendendo não é mesmo? É legal perceber que ela consegue passear por estilos diferentes sem perder a magia de prender o leitor nos seus enredos. Quero ler este livro também!

    Beijos,

    Paula

    http://tri-books.com

    @Tri_Books

    ResponderExcluir
  22. Eu acho essa capa lindona e quero muito ler, faz um bom tempo já.
    Adorei a resenha e quero muito ler em breve, espero que eu possa comprá-lo na Bienal.

    Parabéns pela resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir