28/03/2013

Resenha: Presságio - Leonardo Barros

Edição: 1
Ano: 2012
Gênero: Policial/suspense
Páginas: 224
Editora: Novo Século
Classificação: 5/5
O livro Presságio, de Leonardo Barros, nos conta a história de Alice, uma jovem de 26 anos. Desde a adolescência, Alice tem várias premonições, das quais ninguém acredita. Ela já buscou orientação médica com muitos psiquiatras, que alegam que a moça é psicótica, desacreditando em sua clarividência.

Durante uma balada na qual Alice e um casal de amigos estão presentes, Geórgia e Wálter, acontece um misterioso assassinato. Uma moça muito bonita e promíscua na mesma medida, Vívian, é abusada sexualmente, e logo após, sufocada até a morte. Ninguém faz ideia de quem seja o autor de tal atrocidade, já que era uma festa à fantasia e o assassino não deixou pistas. Porém, Alice teve uma premonição e pode desvendar quem foi o autor de tal crime.


"Agora Alice se via flutuando sobre nuvens de algodão. Ela poderia jurar que enxergou o momento exato em que as notas musicais dilaceraram as nuvens imaginárias para que a moça caísse delas. E, a cada batida da percussão, ela percebia as paredes mudando de cor."
A polícia associa o crime a um serial killer de freiras, de vulgo "Beato Judas". Antes do assassinato de Vívian, uma freira, irmã Bianca, foi encontrada morta do mesmo modo, abusada sexualmente e sufocada até a morte. Como Vívian estava fantasiada na festa de "freirinha sexy" e teve as mesmas evidências da irmã, acreditam que se trate do mesmo maníaco. Mas Alice sabe que o rapaz presente em suas visões não tem as mesmas características do suspeito que está na mira da polícia.

Alice tenta encontrar a identidade do verdadeiro assassino, e assim impedir que ele faça uma nova vítima, ao mesmo tempo em que tenta provar para todos ao seu redor, incluindo as autoridades, que não é louca, e sim que possui um dom valioso. Ela passará por árduas e doloridas dificuldades para realizar seu intento, que irão lhe expor aos piores perigos que um ser humano pode suportar...

Presságio nos traz um thriller policial brilhante, bem escrito e com uma história sucinta e eletrizante. O suspense impera nas páginas do livro, do início ao fim, nos deixando extasiados pelo seu desfecho. Narrado em terceira pessoa, temos uma trama que vai direto ao ponto, de forma clara e objetiva.

Alice passa por boas e poucas, tanto para provar sua sanidade mental, como na busca pelas provas que lhe levem ao verdadeiro culpado. Ela sofre demais, de forma até mesmo aterrorizante, e independente disso consegue ser uma personagem forte, objetiva e que não pestaneja em seu ideal. Criei uma simpatia muito grande por ela, pela sua personalidade firme e decidida, e pela sua inteligência descomunal.

Em suma, Leonardo Barros nos brinda com um thriller policial de qualidade, muito bem escrito e com um desfecho surpreendente. A capa do livro nos remete à uma das visões de Alice e tem um toque bem interessante. A diagramação também está muito boa, e só encontrei um errinho de digitação próximo ao final, bem irrelevante. Para quem gosta de um boa ficção policial (assim como eu) é um prato cheio e claro, recomendo.

15 comentários:

  1. Oi Nessa,

    Não conhecia o livro, nem o autor. Gostei da sua resenha, me deixou com vontade de ler o gênero, só li um livro assim com suspense, revelações. Parece ser ótimo. Não posso falar que irei comprar, já que tem outros livros na frente, se um dia eu encontrá-lo em uma livraria, comprarei.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Muito boa a resenha! *-* Me deu vontade de ler! Achei interessante a história! Abraços

    ResponderExcluir
  3. No clube do livro de maio da minha cidade eu vou ter que falar sobre um livro nacional de um autor considerado "emergente". Eu acho que esse é uma boa pedida, parece interessante.

    ResponderExcluir
  4. Achei a capa bem interessante, mas o que me chamou atenção foi o nome do livro. Os personagens me deixaram curiosa e acho que Alice me agradaria como agradou você. E gosto de livros com investigação. Vou procurar o livro no skoob.

    Abraços,
    Raquel - Viajando com Livros.

    ResponderExcluir
  5. Bem eu gosto desse gênero policial e me simpatizei com a Alice ia querer ser amiga dela deve ser péssimo te acharem insano né, mas eu acho que a leitura dever ser muito pesada estrupo é uma coisa bem ruim então não sei se estou no momento de ler algo assim prefiro os romances clichês hehe

    bjos

    ResponderExcluir
  6. Oi Nêssa!
    Adorei a resenha! Eu adoro thriller policial e me empolguei com a resenha. Acho que tem tudo para me agradar! Essa é a segunda resenha que leio sobre esse livro e estou ficando bem curiosa para ler!
    Beijos
    http://www.coisasdemeninasarteiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. OLá Nessa,

    Mais um livro que fico conhecendo aqui no seu blog...gostei muito da sinopse e sua resenha me deixou curioso...parabéns...abçs.


    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oie amiga
    Eu já li Presságio é curti bastante.
    Parabéns pela resenha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  9. Oie Nessa
    não conhecia o livro, mas pela sua resenha, vejo que ele faz muito meu estilo. Adoro romances policiais, ainda mais nacional e bem escrito, e com boas doses de suspense. Vai já para minha listinha de desejados
    bjos e feliz páscoa

    ResponderExcluir
  10. Oi, nessa. Parabéns pela resenha.
    Estou com o livro do Leonardo aqui para ler, mas ainda não tive tempo. Estou bem curiosa para conhecer a obra!
    Beijo.
    docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  11. Oi Nessa parabéns pela resenha , estou bem curioso para conhecer este livro!

    ResponderExcluir
  12. Oi Nessa!

    Desde que li a sinopse desse livro fiquei interessada na história, com a sua resenha agora fiquei com ainda mais vontade. Adorei a resenha!

    Beijo:*
    Naty.

    ResponderExcluir
  13. Oh my! Adoro thrillers policiais, Nessa
    Você me deixou morrendo de vontade de ler Presságio!
    Ótima resenha, parabéns.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  14. Oi Nessa!
    Adorei a resenha e concordo plenamente! Li o livro no final do ano passado e ele entrou, sem dúvidas, para os melhores do ano. Foi o melhor thriller nacional que li.
    ótima resenha!

    Beijão,
    Mariana M.
    http://magia--literaria.blogspot.com

    ResponderExcluir
  15. Já li outras resenhas positivas desse livro. Parece mesmo ser bom!!!

    Beijos.
    Páginas na Estante
    @alyneadriana

    ResponderExcluir