03/06/2013

Resenha: Tudo Aquilo que Nunca Foi Dito - Marc Levy

Título original: Toutes ces choses qu'on ne s'est pas dites
Gênero: Romance
Páginas: 244
Editora: Suma de Letras
Classificação: 5/5
Alguns dias antes de seu casamento, Julia recebe um telefonema do secretário de seu pai, avisando que o bem-sucedido empresário Anthony Walsh não poderá comparecer a cerimônia.

Para Julia, isso não é novidade, já que o pai sempre foi ausente e nunca esteve presente nos momentos mais importantes de sua vida. Porém, desta vez, o motivo de sua ausência é mais do que justificável: Anthony morreu.

A situação é irônica e amarga, e ao invés de estar subindo ao altar, Julia vai enterrar o seu pai. A relação entre os dois sempre foi muito difícil, devido as personalidades peculiares de ambos. Tudo aconteceu de uma forma muito rápida e fulminante, fazendo com que a moça não consiga processar a situação como deveria.

No dia posterior ao funeral, Julia recebe uma enorme caixa de madeira em sua casa. Ao revelar o seu conteúdo, descobre uma última surpresa deixada pelo seu pai e parte para uma viagem rumo à Berlim, da qual terá a oportunidade de desvendar tudo aquilo que nunca foi dito no seu relacionamento paterno, além de se confrontar com assuntos mal resolvidos de seu passado...

Tudo Aquilo que Nunca Foi Dito foi uma excelente surpresa para mim. A história é deveras intensa e extraordinária e me marcou de uma forma profunda e inesquecível. Marc Levy foi muito criativo e conseguiu interligar em um mesmo enredo conflito familiar e romance com uma pitada de ficção científica. Narrado em terceira pessoa, acompanhamos uma trama envolvente, que nos surpreende capítulo após capítulo.

"(...) A memória é uma artista estranha, refaz as cores da vida, apaga o medíocre, guarda só os traços mais bonitos, as linhas mais tocantes."
Julia passou por muita coisa na sua infância. Sua mãe adoeceu, chegando ao ponto de não se recordar dela e nem do pai, e foi definhando, dia após dia, até vir a falecer, com ela ainda criança. O seu pai se tornou um empresário brilhante, e acabou focando em sua vida profissional mais do que na familiar, sendo cada vez mais ausente no lar e perdendo a admiração da filha. As circunstâncias da vida fizeram com que a moça amadurecesse precocemente e buscasse a sua independência a todo custo. Tais fatos culminaram na sua tenacidade e em sua personalidade impetuosa e firme. Porém, por mais que demonstre odiar o seu pai, o seu falecimento lhe mostra uma outra faceta, que permaneceu oculta por muitos e muitos anos, tal como um fantasma acorrentado no sótão.
"A gente se habitua ao amargo...e acaba gostando da sensualidade inerente ao café (...)."
Através das pistas fúnebres que lhe são deixadas, Julia não chega a aceitar, mas pelo menos compreende o lado de seu pai e adentra os traços de sua humanidade, cobertos por uma camada de concreto que ela julgava ser impenetrável. Sua viagem à Berlim se mostra o ápice do livro, e é justamente nas terras alemãs que ela fará as maiores descobertas de sua vida e será levada ao ano de 1989, culminando com a Queda do Muro de Berlim e com fatos marcantes e dolorosos de sua adolescência.

Em suma, Tudo Aquilo que Nunca Foi Dito é um livro intenso e extraordinário, com uma história linda e que te fará refletir sobre a vida e sobre as nossas escolhas. Tal como Julia, recebemos uma segunda oportunidade do destino, em suas entrelinhas, para enumerar o que é realmente importante em nossa vida e saber priorizar aquilo que tem valor. Em alguns pontos da história, principalmente próximo ao final, a emoção tomou conta da leitura, ao ponto de me fazer verter lágrimas. A capa do livro é linda e a diagramação está ótima, sem quaisquer erros. Recomendo, com certeza!

26 comentários:

  1. Oi Nessa :)

    Nossa eu não conhecia esse livro do autor, eu fiquei com muita curiosidade sobre ele principalmente depois que cheguei na parte de sua resenha que você disse : " te fará refletir sobre a vida ". Amo livros que fazem isso conosco, beijão :D

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Depois dessa resenha fiquei com vontade de ler! *-*

    Adolecentro

    ResponderExcluir
  3. Adorei a resenha! Nunca tinha ouvido falar sobre esse livro, mas já li outras resenhas de livros deste autor. Parece ser bem interessante e intenso. Se nos faz refletir sobre a vida, então deve ser um livro perfeito! Adorei e vou colocar na listinha.

    ResponderExcluir
  4. Own, quero ler o livro agora mesmo. Sempre quis per algo desse autor, já ouvi imeeeensos comentários positivos sobre suas obras!
    Um beijo.
    http://livrodagarota.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Parabéns pela resenha, nessa! Já havia visto este livro em algum lugar, mas nunca parei para ler uma resenha dele. Fiquei bem interessada na leitura da obra, visto que aparenta trazer surpresas ao longo do seu enredo. E gosto disso.
    Beijo!
    docesabordoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. oie Nessa
    tenho esse livro aqui, mas nunca bateu vontade de ler, o que mudou após ler a sua resenha.
    preciso de uma história intensa...e sempre quis ler algo do autor.
    bjos

    ResponderExcluir
  7. Oi Amiga!
    Tenho vontade de ler esse livro. Confesso que após ler sua resenha, essa vontade só aumentou. O que só me deixou com receio foi a parte em que você cita que o autor insere uma pitada de ficção científica. Acho que talvez isso me incomode. Exceto isso, acredito que seja uma leitura tocante. Até o título já sugere isso.
    Parabéns pela resenha!
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Leandro! Eu também não sou fã de ficções científicas, mas a parte que a retrata é tão singela e surpreendente que tenho certeza de que irá gostar, ainda mais você, que aprecia um bom romance! Abraço!

      Excluir
  8. Oi, Nessa!!
    Eu li outro livro do autor, o E Se Fosse Verdade, mas não curti muito... Eu preferi a adaptação que fizeram para o cinema com a atriz Reese Witherspoon. Adoro o filme, já assistiu?
    Apreciei bastante a resenha e espero ter a oportunidade de ler esse livro algum dia.
    Bjos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mari! Amo o filme de "E Se Fosse Verdade", mas ainda não li o livro. Pretendo ler em breve e espero não me decepcionar. Beijo!

      Excluir
  9. O Marc Levy arrasa né?! Eu li outros livros dele e me apaixonei pela escrita.
    Pelo jeito vou gostar bastante de "Tudo aquilo que nunca foi dito" já que tem vários ingredientes que eu adoro: romance + dramas familiares + ficção científica...

    Adorei a resenha, Nessa!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Nossa tampinha!
    Já li alguns resenhas, não desse livro mais dos livros desse autor, contudo não li nada ainda dele, mas depois da tua resenha quero esse livro com certeza, não só ler, mas te-lo. Sinto que irei ficar emocionada assim como você *.*

    ResponderExcluir
  11. Resenha linda Nessa!!

    Eu adoro quando um livro emociona e nos deixa de perna para o ar,fazendo a gente repensar,esse deve ter sido uma leitura carregada de emoção.

    Bjsss

    Bianca

    http://www.apaixonadasporlivros.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oie,
    não conhecia o livro, mas a história parece ser linda! Amo romances e juntou com ficção cientifica então é um prato feito

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  13. Ele parece ser tudo isso mesmo, uma pena que eu ainda não o li, apesar de meu interesse por ele ser bem antigo.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  14. Oi Nessa*
    Esse livro parece ser intenso, emocionante e forte. Gostei de sua resenha!
    Quando der irei ler.

    Beijinhos*
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  15. Oi Vanessa,
    Bateu uma vontade que conhecer a historia completa desse livro. Gosto de livros assim com toda certeza vou procurar ler ele.
    Bjos

    ResponderExcluir
  16. Não conhecia esse livro do autor e fiquei muito curiosa com a história que parece ser bem densa. Fiquei bastante tentada a ler o livro e saber tudo que o pai dela não contou a ela. Espero ler em breve, gostei bastante do enredo.

    Abraços,
    Raquel.

    ResponderExcluir
  17. Oie amiga
    Não conhecia o livro, mas estou SUPER ansiosa para ler.
    A história parece ser muito comovente.Quero muito ler.
    Parabéns pela resenha;
    Beijos!!

    ResponderExcluir
  18. Oi Nessa, não conhecia o livro e ao ler sua resenha me interessei, a história parece ser linda, mais não curti a capa ficou sei lá estranha, ok o que vale é o conteúdo ^^
    Beijos Brubs
    Livros de Cabeceira
    @IWannaRuffles

    ResponderExcluir
  19. Quero muuuuito ler esse livro, a história parecer ser super linda! <3

    ResponderExcluir
  20. OLá Nessa,

    Esse livro esta na minha lista de desejados, gosto muito dessa capa e a sinopse é muito boa...sua resenha esta excelente...parabéns....abçs.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  21. Oi , tudo bem ?
    Não conhecia nenhum livro do autor . Fiquei bastante interessada nele depois da tua resenha ! Amei o teu blog , parabéns pelo sucesso . Que deus te ilumine e faça crescer cada vez mais .
    Também tenho um blog sobre livros , se puder dá uma passadinha lá :
    http://livrosebombons.blogspot.com.br/
    Beijos :)

    ResponderExcluir
  22. Oi Nessa!
    Já ouvi falar muito bem desse autor, porém nunca li nada dele. Lendo sua resenha a premissa desse livro me pareceu bastante promissora e com uma mensagem super legal por trás dele. Pra falar a verdade minha área na literatura é a fantasia e nunca li nada com ênfase nesse tipo de relacionamento, mas fiquei super curiosa com o livro.
    Beijos

    ResponderExcluir
  23. Estava em dúvida se comprava ou não comprava, irei comprar kkkkk Depois dessa resenha, vc terá que criar a bolsa livro-nessanews kkkkkkk

    ResponderExcluir