31/05/2014

Resenha: Sempre Teremos o Verão - Jenny Han

Título original: We'll Always Have Summer
Gênero: Romance
Páginas: 320
Editora: Galera Record
Classificação: 5/5
Comprar: Saraiva
Em Sempre Teremos o Verão, terceiro e último volume da trilogia Verão, de Jenny Han, a história ganhou ares mais maduros e teve um desfecho bastante favorável. A autora soube usar e abusar do romance, conferindo em um enredo doce, sutil e emocionante. O livro não só fechou a trilogia de Jenny Han com chave de ouro, como também foi o melhor volume da saga.

Querendo ou não, Belly sempre esteve dividida entre os irmãos Fischer. Com Conrad, ela sempre teve um relacionamento intenso, porém turbulento; já Jeremiah sempre foi o seu companheiro, o seu amigo fiel. Com o passar dos anos, ela foi se distanciando cada vez mais de Conrad, que acabou se tornando uma terna recordação, assim como os dias de verão vividos em Cousins Beach e passou a enxergar e construir o seu futuro ao lado de Jeremiah.

Belly e Jeremiah estão cada dia mais unidos e inseparáveis e, inclusive, estudam na mesma universidade. Porém, a convivência entre os dois se mostra bastante difícil, principalmente quando Jeremiah a decepciona bruscamente. Tentando reparar o seu erro e provar o seu amor por Belly, ele a pede em casamento e a garota prontamente aceita, mesmo contrariando sua família. Sua mãe, Laurel, entra em parafuso com o enlace da filha, ao qual acredita ser precoce demais e resolve nem ajudá-la com os preparativos do grande dia.

Para Conrad, tem sido muito difícil presenciar Belly e Jeremiah juntos, felizes e apaixonados, e por isso ele resolveu se afastar. Ele prometeu para a mãe que cuidaria do irmão caçula, e para isso, está prestes a perder a menina que sempre amou. Sua única alternativa é falar o que sente, antes que Belly passe o resto de seus dias ao lado de Jeremiah...

Sempre Teremos o Verão finalizou a saga de Jenny Han de modo extremamente satisfatório e uniforme. Os personagens amadureceram, passaram a encarar a vida com mais responsabilidade e dinamismo e continuam encantando o leitor, justamente por serem tão verossímeis. O enredo continua repleto de romance, sempre salientado de forma leve e suave, tal como os dias sublimes do verão. Narrado em primeira pessoa por Belly e Conrad, sob pontos de vista alternados, acompanhamos o desfecho da trilogia com um sorriso nos lábios e suspirando com o rumo tomado pela série.

"Meus dois grandes amores. Acho que sempre soube que me tornaria Belly Fischer um dia. Só não fazia ideia de que seria dessa forma."

Belly amadureceu bastante em vista dos volumes anteriores, mas sem perder as suas características de outrora, o que trouxe todo um senso realista para o enredo. Seus conflitos com sua mãe continuam os mesmos, assim como as dúvidas que permeiam seu coração. Me identifiquei bastante com ela neste livro, bem mais do que nos dois primeiros volumes, visto que vivi situações muito parecidas com as dela e tive atitudes bem semelhantes, o que acabou até mesmo me emocionando em algumas passagens da história.

"Não sabíamos o que o destino nos reservava. Éramos apenas dois adolescentes olhando para o céu numa noite fria de fevereiro. Não, ele não me deu flores nem bombons. Ele me deu a lua e as estrelas. O infinito."

Confesso que me decepcionei bastante com o Jeremiah neste último volume. Além dele ferir Belly com uma de suas atitudes, percebe-se que o seu comportamento oscila bastante. O garoto doce, gentil e amoroso de outrora sofre uma desconstrução em seu caráter, acentuada, pelo que eu pude perceber, com o ingresso na faculdade. Em compensação, Conrad, que sempre foi o meu "Fischer" preferido,  se mostra maduro, responsável e ganha ares de um verdadeiro homem.

Em síntese, Sempre Teremos o Verão nos traz um desfecho brilhante para a série de Jenny Han, mostrando toda a maestria e talento da autora na arte de compor romances juvenis. Com uma linguagem bem coloquial e uma narrativa fluída e tocante, fica evidente o quanto ela entende o universo adolescente, com todos os seus dilemas, anseios e desejos. A capa continua muito bonita, assim como as anteriores e a diagramação está ótima, com fonte em bom tamanho, ilustrações de pequenas conchas no começo de cada capítulo e revisão de qualidade. Recomendo, com certeza!

Confiram as resenhas dos volumes anteriores da trilogia Verão:

►O VERÃO QUE MUDOU MINHA VIDA
►SEM VOCÊ NÃO É VERÃO


14 comentários:

  1. Oi Nessa!
    Eu queria um epílogo maior kkkkkk Adorei o livro, e concordo com você sobre o Jeremiah, parece que ele não amadureceu, continuou uma criança o.O
    E Conrad é.... perfeito devido suas imperfeições, rs.
    Bjks!

    ResponderExcluir
  2. Nessa, mesmo não gostando de triângulos amorosos, mas fico encantada porque parece que nessa história ele se torna essencial para o desenvolvimento da trama!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi Nessa :)

    Graças as suas resenhas eu irei comprar essa série e confesso que estou com a expectativa lá em cima. Beijos!

    http://euvivolendo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Sempre tive muita vontade de ler essa trilogia, amo as capas e só vejo elogios a respeito da escrita da autora. Li a resenha por alto por não ter lido nenhum volume da série, mas do pouco que li, fiquei com mais vontade ainda de conhecer essa história.

    Obrigada pelo carinho. Beijos :*
    Claris - Plasticodelic

    ResponderExcluir
  5. eu não li nenhum livro da saga ;w;
    mas achei interessante a resenha, acho que vou dar uma conferida e gostei da capa. é bem simples e delicada.

    Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  6. oie Nessa
    eu morri de ódio do Jeremiah. Como ele era infantil, egoísta e mimado. Urgh. Eu até gostava dele no primeiro livro, mas Conrad ganhou meu coração.
    Chorei muito com a carta do final. Essa trilogia mora no meu coração
    bjos
    www.mybooklit.com

    ResponderExcluir
  7. Parabéns pela resenha Nessa, não li a série, mas para mim não teve spoiler ao ler sua resenha e quero muito ler essa série. Fiquei maravilhada com o crescimento dos personagens da forma que você apontou na resenha. Obrigada.

    ResponderExcluir
  8. Oie Nessa,
    não li nenhum dos livros da série, então fica difícil falar se vou ler este, mas gostei da resenha, é bom saber que a série continua bem :)

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  9. Olá.
    Adorei a resenha. Eu só li o primeiro livro dessa trilogia, mas espero poder ler os outros e terminá-la :)

    Beijos, Vanessa.
    This Adorable Thing
    thisadorablething.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oie Nessa =)

    Já ouvi falar muito dessa trilogia, mas ainda não tive a oportunidade de ler. Porém com tantas resenhas e comentários positivos, vou colocar ela na minha listinha de próximas leituras ^^

    Beijos;***

    Ane Reis.
    mydearlibrary | Livros, divagações e outras histórias...
    @mydearlibrary

    ResponderExcluir
  11. Oi Nessa =)

    Esta série está entre meus desejados faz muito tempo... e com suas resenhas só fiquei com ainda mais vontade de ler. Só vejo bons comentários sobre a trilogia, e estou cada vez mais curiosa para conferir com meus próprios olhos.

    Beijos,
    Livy
    No Mundo dos Livros

    ResponderExcluir
  12. Oi Nessa, tudo bem?
    Eu ainda não li essa coleção!!!!!!!!! Acho que já vi essas capas antes, mas não lembro de ter lido nenhuma resenha. Que bom que o final foi perfeito, pena que o personagem ficou ruim, mas na vida essas coisas acontecem, e se intenção da autora era retratar todo o caminho emocional que os adolescentes percorrem, achei válido.
    Gostei muito da resenha. Dica anotada.
    beijinhos.
    cila-leitora voraz
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Olá Nessa,

    Essa é a terceira resenha que leio desse livro e série e igualmente positiva, a capa é bem legal e com certeza a história melhor ainda, abraços.

    devoradordeletras.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  14. Nossa. Adoro os livros desta autora e nem sabia desta trilogia, acredita? E me pareceu ótima pela sua resenha! Ela escreveu um livro que li que é um pouco mais adolescente e adorei!

    Vou tentar achar os outros agora.

    Beijos

    Greice Negrini

    Blogando Livros
    www.amigasemulheres.com

    ResponderExcluir