14/11/2016

Resenha: A Lenda dos Cristais - Ana Carolina Jalles

Edição: 1
Ano: 2012
Gênero: Romance sobrenatural
Páginas: 232
Editora: Novo Século
Classificação: 4,5/5
Comprar: Saraiva
O livro A Lenda dos Cristais, primeiro volume da série homônima da paulista Ana Carolina Jalles, nos traz uma história mágica e envolvente sobre bruxas que pertencem à linhagem de Merlin e Morgana. Com características bem interessantes e marcantes e uma trama repleta de ação e aventura, o enredo é bem instigante e misterioso, porém alguns pontos da história ficaram um pouco crus.

Reza a lenda que Merlin e Morgana foram amantes fervorosos e que, como fruto deste relacionamento, nasceu uma menina extremamente poderosa. Sarah, a descendente direta deles, concebeu sete meninas que, com o passar do tempo, acabaram se distanciando e cada uma delas carrega um colar com um cristal. Porém, o segredo do poderoso legado da bruxa Morgana não permaneceu oculto por muito tempo...

Após vários séculos, os cristais sobrevivem e acabam indo parar nas mãos de sete garotas ruivas, que se conhecem justamente quando a antiga lenda vem à tona. São elas Meredith, Amanda, Dianne, Emma, Nathalia, Amber e Lauren e as jovens estão à mercê de um grande perigo: Cien, um poderoso bruxo das trevas que foi derrotado anteriormente pelas filhas de Sarah ressurgiu e está ainda mais forte, disposto a tudo por vingança.

As sete jovens guerreiras partem para a aldeia dos Dracheroter, a fim de aprimorar seus poderes e unirem forças no Stonehenge para derrotar o feiticeiro e seus temidos demônios. O objetivo delas é impedir que o sol seja tomado por uma magia obscura e se torne negro, transformando o mundo em uma escuridão perpétua...

A Lenda dos Cristais foi um livro que ganhou minha atenção de modo instantâneo por trazer um enredo incrivelmente mágico e remanescente da linhagem de Merlin e Morgana. Sou aficionada por histórias que envolvam bruxas e suas vertentes e logo de início fiquei encantada pela trama de Ana Carolina Jalles e pela riqueza dos detalhes com que ela compôs a obra. Porém, o que acabei notando é que apesar de ter estruturado seu enredo de maneira magistral, alguns pontos da história careceram de desenvolvimento, principalmente no que concerne aos diálogos trocados entre os protagonistas da trama, bem como outros detalhes em específico. Narrado em terceira pessoa, de forma fluída e instigante, o enredo é majestoso, mas com alguns retoques poderia ter sido ainda melhor.

Dentre as personagens da história, a que mais me chamou a atenção foi Meredith. É visível o quanto a jovem é sábia e tem postura de líder e acredito que nos próximos volumes teremos algumas surpresas quanto a ela. Lauren surgiu na trama de forma bem intrigante e gostaria que sua relação com a Nancy tivesse sido um pouco mais explorada, mas creio que a sequência da saga se encarregará disto. Emma tem um talento nato para poções de cura envolvendo a botânica e me encantei com o jeito meigo e carismático da jovem. As demais personagens da trama, Nathalia, Amber, Amanda e Dianne não conseguiram despertar tanto a minha atenção e talvez isso tenha sido pelo fato delas ainda terem traços bem infantis, mas acredito que as jovens irão amadurecer nos próximos volumes.

O feiticeiro Cien surgiu nos capítulos finais da trama de forma bastante maquiavélica, não poupando esforços para atingir as sete jovens. O bruxo havia sido derrotado pelas sete filhas de Sarah há alguns séculos e tudo leva a crer que isso se deu por conta de uma de suas fraquezas, ou seja, a de ser apaixonado por Ailyn, a ancestral de Meredith. Por esse livro ser bem introdutório, o vilão não foi tão explorado quanto eu gostaria, mas acredito que iremos conhecê-lo mais a fundo no decorrer da série. Raven, a enigmática prima de Cien, surgiu na trama como um meteoro e quando eu esperava que ela fosse usar ainda mais da sua magia negra e de seus corvos, o destino reservado para a personagem acabou sendo outro.

Em síntese, A Lenda dos Cristais se mostrou um livro muito bom e que reflete com bastante clareza o talento de Ana Carolina Jalles. Os elementos incorporados a trama foram bem interessantes e convincentes e achei majestoso a autora trabalhar a história se baseando no legado de Merlin e Morgana. Porém, alguns pontos da trama acabaram soando destonantes, como o diálogo entre as protagonistas e o fato de todas elas - cada uma em uma parte isolada do mundo - se unirem tão facilmente a causa, com poucas e rasas objeções a respeito. A capa do livro é incrivelmente bonita e bem condizente com a história, com a ilustração de uma jovem ruiva e de seu colar cintilante de cristal e a diagramação está favorável, com fonte em bom tamanho e poucos erros de digitação e ortografia. Apesar das pequenas ressalvas, não deixo de recomendar a obra.

6 comentários:

  1. Oi Nessa!
    Sempre bom ver novos autores nacionais despontando. Uma pena que a autora tenha escorregado em algumas coisas (e diálogos ruins são mesmo algo que incomoda, né? Parece que descola o leitor da narrativa). Mas é como você mesma disse: esse é um livro introdutório. Tomara que nos próximos ela corrija essas pequenas falhas.
    PS: Não sabia que você era tão apaixonada por essa temática.
    Beijos,
    alemdacontracapa.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Eu não curto muito história com bruxas e feiticeiros, não faz meu estilo, mas fico feliz cada vez que vejo um talento nacional despontando. E as observações são algo fácil de se arrumar, com o tempo acredito que cada livro ficará melhor que o outro nesse aspecto. E sim, a capa está mesmo muito linda, né?! Quase me senti tentada, só de olhar pra ela, hehe!

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    ROMANTIC GIRL

    ResponderExcluir
  3. achei muito consistente a sua critica, Nessa. Eu assim como a Su não curto muito esse enredo, mas agradeço a dica

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Nessa! Eu também adoro livros com bruxas. Não conhecia este, mas achei a premissa bacana, pena que teve alguns problemas.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  5. Oi Nessa,
    não conhecia o livro, mas achei bem interessante. Adoro livros de bruxas. Vai para os indicados

    bjos
    Blog Vanessa Sueroz
    Sorteio Um ano Inesquecível

    ResponderExcluir
  6. Olá Nessa,

    Esse é mais um livro que fico conhecendo aqui no blog, a premissa é interessante e daria uma chance apesar das ressalvas, mas não gostei da capa.....abraço.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir