26/04/2017

Resenha: Uma Mulher Livre - Danielle Steel

Título original: A Good Woman
Gênero: Romance
Páginas: 294
Editora: Record
Classificação: 5/5
Comprar: Submarino
O livro Uma Mulher Livre, de Danielle Steel, nos traz um romance forte e corajoso sobre uma mulher que padeceu das piores mazelas, mas nunca se deixou abater pelas dificuldades da vida, conquistando sua liberdade e independência de forma soberana. Acompanhar a jornada de Annabelle Worthington foi bem gratificante e teve um efeito salutar sobre mim, tamanha a sua coragem, garra e determinação. Mas, por mais que a protagonista seja uma mulher forte e de fibra, senti que faltou algo na trama criada por Danielle Steel.

Nascida em uma família aristocrata, a jovem Annabelle Worthington, de 19 anos, desfruta de uma vida privilegiada e repleta de encantos em Nova York. Filha de um dos maiores bancários da cidade, a moça sempre se sentiu à vontade em meio a todo o luxo e glamour de Manhattan. Porém, tudo mudou no dia 14 de abril de 1912, quando o navio Titanic se chocou com um iceberg, levando junto parte de seu mundo. Seu pai e seu irmão faleceram no naufrágio e sua mãe, Consuelo, foi uma das poucas e aterrorizadas sobreviventes do acidente.

Com o objetivo de confortar o seu coração e de preencher a sua vazia existência, Annabelle se voluntaria para trabalhar em um hospital e acaba descobrindo sua verdadeira profissão. E quando um homem muito nobre e amigo de seu pai, Josiah, resolve desposá-la, ela acredita que finalmente terá dias felizes pela frente. Porém, mais uma vez, o destino é implacável com a jovem moça e acaba a colocando no cerne de um grande escândalo. Com o objetivo de reconstruir sua vida e apaziguar a tristeza que tomou conta de seu coração, Annabelle decide partir para a França para trabalhar no front de batalha da Primeira Guerra Mundial. E no auge de um conflito tão tenebroso e sangrento, ela consegue realizar um de seus maiores sonhos: estudar medicina. No entanto, a fé de Annabelle é colocada mais uma vez à prova quando ocorre algo capaz de mudar sua vida para sempre...

Uma Mulher Livre é um livro forte e corajoso sobre uma jovem de espírito indomável que retira forças de dentro de suas próprias feridas e que, tal como uma fênix, renasce para a vida com garra e determinação. A trajetória de Annabelle é profundamente tocante e nos revela uma personagem guerreira, determinada e extremamente resiliente, que ama a vida e apesar das inúmeras provações, tenta extrair algo de positivo de tudo o que lhe acontece. Narrado em terceira pessoa de forma minuciosa e norteada por fatos históricos, o enredo de Danielle Steel é emocionante e bem delineado, apesar de ter tido um desfecho um pouco simplório.

Annabelle é uma personagem admirável e uma verdadeira fonte de inspiração para o leitor. Ela é fascinante e possui traços bastante singulares e fortes, que se refletem com intensidade em sua personalidade. Não vou me ater a muitos detalhes para não ofuscar o brilho da trama, mas à grosso modo posso salientar que ela sofre horrores ao longo da história e muitas dessas passagens vivenciadas pela protagonista conseguiram me deixar até mesmo com os olhos marejados. Porém, ela se mantém firme, sagrando-se uma verdadeira e peculiar heroína.


Em síntese, Uma Mulher Livre é um livro que consegue impressionar o leitor devido a grandeza de seu enredo e também mergulhá-lo por dentro de fatos históricos interessantes e fielmente retratados. Seus personagens são icônicos e foram bem atrelados à trama, principalmente Annabelle, uma das protagonistas mais fortes e singulares da ficção atual. Minha única ressalva ficou por conta do desfecho final da história, que me soou um pouco raso e rápido demais, não fazendo jus à grandiosidade da obra. A capa é muito bonita e nos retrata a bela Torre Eiffel e a diagramação está ótima, com fonte em bom tamanho e revisão de qualidade. Recomendo ☺

10 comentários:

  1. Oi Nessa, sua linda, tudo bem?
    Nossa, tem autores que são cruéis demais com seus personagens. É muita dor para uma única pessoa. Fiquei tentando imaginar por tudo o que ela teve que passar e ainda assim conseguir ser essa mulher guerreira e forte que nunca esmoreceu. Pena que o final não correspondeu com o restante da obra Mesmo assim preciso ler algo tão incrível. Adorei sua resenha!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oie Nessa =)

    Já li muitos livros da Danielle e confesso que a nossa relação é meio de amor e ódio rs... A autora tem livros lindos, porém as vezes sinto que ela se perde em detalhes que não agregam em nada a história.

    Li alguns criticas bem negativas desse livro o que me deixou bastante desanimada em conferir a história, mas ainda quero tirar minhas próprias conclusões.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  3. Oi Nessa! Acredita que nunca li nada da Danielle Steel? Mas isso vai mudar estou esperando o último lançamento dela chegar pra poder conferir. Pela resenha eu acho que a narrativa dela é boa, apesar do final. Espero tb curtir como vc.

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante
    Sorteio A guerra que salvou a minha vida

    ResponderExcluir
  4. os livros da autora são muito tristes e deprimentes pra mim, enredos cheios de altos e baixos
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi! Eu amo os livros da autora e estou ansiosa para ler esse. Já estou encantada com a jovem Annabelle e pelo ano que passa a história. Bjos ❤

    Click Literário

    ResponderExcluir
  6. Oie Nessa, tudo bom?
    Eu amo a Steel, adoro a narrativa dela e os livros sempre conseguem me prender, mas esse não me chamou tanto a atenção e diferente de você eu achei a capa horrorosa hahaha

    Beijos,
    Paixão Literária

    ResponderExcluir
  7. Ainda não conhecia esse livro, mas achei bacana a história
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  8. Oi Vanessa,
    Gosto de tramas com reviravoltas e saber que a protagonista é uma verdadeira heroína me deixou curiosa para conhecê-la, então talvez no futuro eu me arrisque a lê-lo. Ótima resenha!!

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Oi Nessa, tudo bem?
    Houve uma época que eu lia muito os livros de Danielle Steel. Lembro que era difícil achar e eu costumava comprar em sebos. Mas, com o tempo fui deixando de ler, por achar que seus romances contêm muito drama, e poucas vezes o desfecho sai do meu agrado. Este livro eu não conhecia, e pelo que narra em sua resenha parece ter uma história bem dramática e emocionante.
    Bjus
    www.docesletras.com.br

    ResponderExcluir
  10. Olha, confesso que meu ♥ não aguentaria ler um livro dessa autora não. Ela é chegada a um drama (aliás, ela mesmo passou por um grande drama, né?!), o que não faz muito meu estilo. Mas sempre leio comentários positivos sobre suas obras. Uma pena o final não ser como vc esperava, mas que bom que mesmo assim vc curtiu o livro.

    =)

    Suelen Mattos
    ______________
    Romantic Girl

    ResponderExcluir