28/05/2017

Resenha: Jantar Secreto - Raphael Montes

Edição: 1
Ano: 2016
Gênero: Romance Policial
Páginas: 366
Editora: Companhia das Letras
Classificação: 5/5
Comprar: Submarino
O livro Jantar Secreto, do carioca Raphael Montes, nos traz uma história muito bem articulada e com um tema bem inusitado e excêntrico. Com uma narrativa perspicaz e repleta de referências contemporâneas, o livro se mostrou uma leitura tensa e forte, porém repleta de analogias e humor negro. Com personagens distintos entre si, mas com profundos e marcantes traços humanos, a obra de Raphael Montes se mostrou um romance policial estupendo e com um desfecho surpreendente e incrivelmente macabro.

Um grupo de quatro amigos - Dante, Hugo, Miguel e Leitão - deixam a pitoresca cidade de Pingo D'Água, no interior do Paraná, para cursarem a faculdade no Rio de Janeiro. Juntos, eles dividem um apartamento em Copacabana, enquanto tentam alcançar os seus sonhos e sobreviver as dificuldades da cidade grande.

Dante - o narrador da história - estuda administração e trabalha como vendedor em uma livraria. Leitão, um hacker inveterado, cursa ciência da computação, mas gosta mesmo é de jogar video game enquanto se deleita comendo pizza. Miguel, o mais certinho dos amigos, estuda medicina e trabalha como enfermeiro. Já Hugo é aspirante à chef de cozinha e possui uma vaidade sem limites. Em meio as dificuldades de pagar o aluguel enquanto lutam por uma boa colocação no mercado de trabalho em tempos de crise, os quatro amigos têm uma ideia inusitada para ganhar dinheiro: realizar jantares secretos para um grupo seleto de convidados em busca de uma aventura gastronômica exótica. Porém, o que começou como uma singela brincadeira ganha ares macabros e de proporções inimagináveis. Pouco a pouco, eles mergulham em um abismo de desconfiança, paranoia e ambição, despertando o pior que poderia existir em cada um deles.

Jantar Secreto é um livro muito bem orquestrado e norteado por um suspense macabro e eletrizante. Conhecemos os seus personagens logo no início da obra, com todas as suas virtudes e defeitos e logo mais adentramos o lado obscuro de cada um deles e até onde são capazes de ir em prol da ambição, vingança e sustentação do próprio ego. Apesar de tratar de um tema exótico e cá entre nós, bastante indigesto, a trama de Raphael Montes consegue ir além e nos trazer pinceladas detalhadas do dia-a-dia, desde o que acontece na indústria frigorífica atual como a corrupção nos órgãos públicos e federais, a podridão da mídia  e até mesmo o marketing cru e desenfreado do mercado editorial. Narrado em primeira pessoa por Dante, sob uma ótica contundente e um tanto explícita, o livro não se mostrou uma leitura fácil, mas retratou um pouco da nossa realidade com um olhar mórbido, principalmente a violência caótica que enfrentamos e o panorama atual da nossa juventude.

Os personagens, apesar de se unirem em um ato macabro e sem precedentes, são bem heterogêneos entre si. O narrador, Dante, é um rapaz solícito e amigo, porém bastante reservado. Ele é contra ao plano do jantar secreto, mas acaba sendo sufocado pela ambição dos amigos e aderindo a causa. Já Miguel é totalmente contra e reluta de todas as formas possíveis, mas acaba sendo tragado pela persuasão do grupo, principalmente quando precisa de dinheiro para lidar com a grave doença da mãe. Leitão foi um personagem que não me causou simpatia pelo seu modo de agir acomodado e irresponsável e com a sua crença de que grana pode vir facilmente, foi um dos precursores do jantar. Já Hugo é alguém que almeja fama de todos os modos possíveis e preza mais o próprio ego e a satisfação própria do que qualquer outra coisa, sendo ludibriado facilmente. Outra personagem que merece destaque é Cora, uma prostituta que faz par romântico com Leitão e que destila poesias completamente irônicas e nosense.

Jantar Secreto é um livro forte e de tez intragável tal como o tema que retrata, justamente por explicitar tópicos macabros e horripilantes como o consumo de carne humana e a perversidade em todos os seus graus e gêneros, porém é uma obra magistralmente escrita e que enaltece ainda mais o talento e a criatividade de Raphael Montes na arte de compor um bom romance policial. As analogias que permeiam o livro e sobretudo o humor negro e mordaz presente na escrita do autor, que passa por cruéis matadouros clandestinos, manias excêntricas da elite e uma espiral horripilante de assassinatos, tornaram o enredo original, absurdamente cruel e um retrato de como a nossa juventude está cada vez mais perdida. A capa nos traz um prato sujo de sangue, salientando o teor da história e a diagramação está ótima, com fonte em bom tamanho e revisão de qualidade. Recomendo ☺

11 comentários:

  1. Oi Nessa
    Já vi muitos comentários sobre este livro, o tema dele é algo totalmente diferente do que já li. Nossa, consumir carne humana, estou curiosa pelo livros, mas ainda não sei se o lerei.

    Beijinhos
    http://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Oi Nessa,
    Ainda nao conhecia esse livro, achei bem bacana
    Blog Entrelinhas

    ResponderExcluir
  3. Oi Nessa, sua linda, tudo bem?
    Eu sou muito sensível, já me disseram que esse livro não é para mim. Que as cenas são um pouco fortes. O tema que ele abordou é bem ousado mesmo. Mas que bom que você é mais corajosa do que eu e conseguir aproveitar a leitura e gostar tanto dela. Sua resenha ficou ótima!!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. leio muitos elogios a trama, mas verdadeiramente não é um enredo que me atraia

    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oooi!

    É a primeira resenha que leio sobre o livro. Achei interessante o tema. Fiquei mais curiosa ainda pelo sucesso de vendas e por ser de autor nacional. Que bom que você curtiu a leitura! Não sei se leria no momento. Vou anotar aqui a dica rsrs Beijos,

    www.estranhoscomoeu.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Nessa! desde o lançamento desse livro eu estou com vontade de ler! Realmente é um tema macabro e um tanto intragável, espero ter estômago pra ler até o final heheheheh

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  7. Oi! O autor é bem conhecido e tive a oportunidade de ler diversas resenhas dessa obra. Mas como falo ela não é para mim hahahaha No entanto o enredo é interessante e bem diferente, imagino que seja muito bom para quem curti o gênero. Bjos ❤

    Click Literário



    ResponderExcluir
  8. Oi Vanessa,
    Ainda não conhecia o livro e apesar de gostar de tramas policiais, não sei se o leria, por todo esse lado macabro existente na história.

    *bye*
    Marla
    http://loucaporromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem? Adorei a resenha! Esse autor está fazendo sucesso, vejo falarem super bem dos livros dele...

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
  10. Oie Nessa =)

    Leio sempre bons comentários dos livros do Raphael Montes, mas eles não fazem muito o meu estilo de leitura, infelizmente. Fico feliz que você tenha curtido a história ^^

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  11. Oi, Nessa!
    Não costumo ler esse gênero, mas a premissa dele é muito boa! E já vi muitas resenhas positivas! Deve ser de arrepiar!

    Beijos!
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir