14/01/2018

Resenha: Ladrão de Almas - Jana Oliver

Título original: Soul thief
Gênero: Ficção sobrenatural
Páginas: 352
Editora: Farol Literário
Classificação: 5/5
Comprar: Saraiva
Em Ladrão de Almas, segundo volume da série A Filha do Apanhador de Demônios, de Jana Oliver, adentramos um pouco mais a vida da caçadora de demônios Riley Blackthorne e acompanhamos a mocinha se rendendo ao amor. Apesar de termos um romance na trama, os objetivos de Riley ainda são claros e inconfundíveis e neste livro encontramos ainda mais adrenalina e emoção do que no antecessor.

Após a devastadora e sangrenta batalha no Tabernacle, muitos caçadores estão mortos e feridos. Simon - o namorado de Riley - foi parar no hospital e, para piorar a situação, o corpo de seu pai, Paul Blacktorne, foi retirado do túmulo por um poderoso necromante. Para engrossar ainda mais o caldo, um apanhador de demônios freelancer, Ori, está acompanhando Riley tal como um guarda-costas, mesmo contra a vontade dela e Beck, o pupilo de seu pai, está cada dia mais superprotetor com a caçadora, apesar de seu comportamento rabugento. Em meio à tantas dificuldades e provações, Riley está cogitando até mesmo sair de Atlanta.

Entretanto, com a quantidade de demônios crescendo mais a cada dia, o Vaticano não encontra outra escapatória a não ser enviar os seus próprios caçadores para controlar a situação e evitar desordem na cidade. Porém, isso não tira Riley da mira do inferno e da perseguição implacável de um demônio de Nível Cinco, fazendo com que os dias de sorte da apanhadora estejam contados...

Ladrão de Almas se superou e trouxe ainda mais ação e aventura para a trama de Jana Oliver. As batalhas apresentadas no livro são épicas e sanguinárias e serviram para alavancar ainda mais a adrenalina e a emoção presentes no enredo, assim como o ingresso de novos personagens e seres sobrenaturais, especialmente os anjos. Os personagens passam por muitas transformações e mesmo sendo intimamente fortes, não deixam de mostrarem o seu lado humano, com todos os seus erros e fraquezas. Narrado em terceira pessoa de forma coesa e fluída, o livro trouxe novo ânimo e vigor para a história e elucidou muitas incógnitas da trama.

Riley não se afastou de seus objetivos, mas acabou sendo tocada pelo amor. Mesmo com tantas advertências e conselhos, ela se deixou mergulhar profundamente na paixão, sem saber qual seria o sabor dos frutos de sua escolha. E sim, ela continua decidida, feroz e disposta a tudo para recuperar o corpo do seu pai e lhe dar o merecido descanso. As escolhas da personagem não foram as mais acertadas possíveis e ela terá que lidar com as consequências delas e, assim, enfrentar suas próprias batalhas.

Como dito na resenha anterior, eu estranhei demais o modo certinho do Simon de ser e sempre desconfiei que tinha caroço nesse angu. Pois foi exatamente isso que se desenvolveu nas entrelinhas do livro e o personagem se mostrou um puritano irritante, além de extremamente ingrato com Riley. O bad boy Ori é uma figura bem enigmática e sempre aparece no lugar certo e na hora apropriada para auxiliar a caçadora e confesso que também achei essa precisão do personagem um pouco controversa. Já Beck, com o seu humor tenebroso e temperamento difícil, está ganhando a minha simpatia cada vez mais e se mostrando um homem de palavra e coração.

Em síntese, Ladrão de Almas não caiu na maldição do segundo livro; muito pelo contrário, se mostrou uma sequência até mesmo superior para a saga criada por Jana Oliver. Com muito mais emoção, adrenalina, vigor e magia e personagens envoltos por uma mescla de erros e acertos, o livro conseguiu se superar e nos deixou um gancho estarrecedor para a sua sequência. A capa da obra é bem interessante e nos traz a sombra de uma garota debruçada em uma lápide e a diagramação está bem caprichada, com fonte em bom tamanho e revisão de qualidade. Recomendo ☺

Confira resenha do volume anterior da série A Filha do Apanhador de Demônios:

►A FILHA DO APANHADOR DE DEMÔNIOS



12 comentários:

  1. Oi Nessa,
    Estou meio que fugindo de ficção sobrenatural.
    Quero ler um da Mari Scotti, porque a admiro, mas a temática já me cansou, sabe? Acho que vou deixar passar a dica :(
    Beijos
    http://estante-da-ale.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Nessa! Eu não li o primeiro, mas curto um sobrenatural cheio de adrenalina, bom saber que este não caiu na maldição!

    Bjs, Mi

    O que tem na nossa estante

    ResponderExcluir
  3. não é muito o meu tipo de leitura, então não creio que leria, ao menos não por agora, mas fica a boa dica!
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oi Nessa, tudo bem?
    Que maravilha quando o segundo livro supera o primeiro, né?
    Dá ainda mais vontade de seguir conferindo a série. <3
    Tem sorteio no blog, vem participar!

    Priih
    Infinitas Vidas

    ResponderExcluir
  5. Oie Nessa =)

    Não conhecia a autora e nem a série, mas confesso que faz tempo que não leio nada nesse estilo.

    Me pareceu interessante, mas não uma narrativa que no momento eu leria. Quem sabe mais para frente.

    Beijos;***
    Ane Reis | Blog My Dear Library.

    ResponderExcluir
  6. Oi Nessa,
    Tenho o primeiro livro por aqui, e ainda não li. Gostei de saber que o segundo volume é tão bom quanto.

    bjs
    Nana - Canto Cultzíneo

    ResponderExcluir
  7. Oi! Que bom o segundo ter sido até melhor que o primeiro, assim nos deixa com mais vontade de ler. E outro fato que gostei foi que mesmo a personagem se apaixonando, ela não mudou o jeito de ser. Bjos ❤


    Click Literário

    ResponderExcluir
  8. Oi Nessa
    Faz tempo que não leio este tipo de livro, mais sobrenatural. Gostei da premissa e fiquei curiosa pela série.

    Beijinhos
    https://diariodeincentivoaleitura.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  9. Oi, Nessa.
    Não conhecia essa série e já fiquei interessada em ler. Adoro coisas sangrentas e com muita morte hahaha.
    Ainda bem que esse livro não foi ruim como o outro, como você disse.

    Abraços,
    Naty
    http://www.revelandosentimentos.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oi, Nessa!
    Sempre quis ler esses livros, a premissa é boa, espero ter a oportunidade um dia!

    Beijos,
    Eli - Leitura Entre Amigas
    http://www.leituraentreamigas.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá Nessa,

    Ótima resenha, bom saber que o segundo livro é tão bom quanto o primeiro, isso anima muito.....abraço.

    http://devoradordeletras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Uma ótima resenha muito boa mesmo

    http://coisasdecrespasoficial.blogspot.com/2018/01/metas-para-2k18-blog-planner.html

    http://coisasdecrespasoficial.blogspot.com/2017/12/melhor-hidratacao-caseira-do-mundoooo.html

    ResponderExcluir